Meus caros, eu indico todos os cinco livros do T.H. White sobre o rei Arthur!

Blog de Maria José Silveira

Sempre me emociono ao ler este trecho:

“Guenevere exagerou ao se vestir para a ocasião. Maquiou-se, embora não precisasse de maquiagem, e maquiou-se mal. Estava com quarenta e dois anos.
Quando Lancelot a viu esperando à mesa, com Arthur a seu lado, seu coração explodiu no peito, deixando que o amor dentro dele corresse por suas veias. Era seu antigo amor por uma garota de vinte anos, sentada orgulhosa em seu trono com o presente de cativos a seu redor – mas agora a mesma garota sentava-se em outro ambiente, um ambiente de maquilagem exagerada e sedas vistosas com as quais tentava desafiar a ruína invencível do destino humano. Ele a viu como o espírito apaixonado da juventude inocente, agora assediada pelo truque que se prega na juventude – o truque da traição do corpo, que transforma a carne em ossos. Para ele, seus tolos enfeites não eram vulgares…

Ver o post original 217 mais palavras